A importância da Educação Empreendedora para a cultura e formação de novos empreendedores

Mario Fernando Mello, Luciano De Los Santos Nunes

Resumo


Transformar uma ideia em negócio num tempo em que ser empreendedor é quase imperativo requer muito mais do que visão de futuro e talento individual. As dificuldades e os desafios para jovens empreendedores fazem parte da realidade em que o mercado apresenta. Por isso, desenvolver os talentos individuais orientados ao empreendedorismo é uma missão que a educação empreendedora pode contribuir. O ensino do empreendedorismo deve ser expandido em escolas e universidades a fim de preparar os jovens para o ambiente de negócios. O jovem empreendedor deve ser um protagonista responsável e assim contribuir com o desenvolvimento da sua região e do seu país. O presente estudo tem como objetivo principal analisar o referencial teórico estudado e a partir disso propor uma série de características e habilidades que podem se originar da educação empreendedora visando a qualificação e preparação para jovens empreendedores terem sucesso em seus empreendimentos. Como resultado do estudo apresenta-se um compilado de características, habilidades e desenvolvimento de potencialidades que no contexto empreendedor são necessárias ao jovem empreendedor.


Palavras-chave


Educação empreendedora; jovem empreendedor; características; habilidades.

Texto completo:

PDF

Referências


AUDRETSCH, D. B.; BÖNTE, W.; TAMVADA, J. P. Religion, Social Class, and Entrepreneurial Choice. Journal of Business Venturing, v. 28, p. 774-789, 2013.

BARON, R. A.; SHANE, S. A. Empreendedorismo: uma visão do processo. São Paulo: Cengage Learning, 2013.

BOLSON, E. L. A educação é o único caminho para criar uma sociedade mais empreendedora no Brasil. Disponível em: . Acesso em: 28 abr. 2017.

BORGES, C. Empreendedorismo sustentável / organização Candido Borges – 1. ed. – São Paulo: Saraiva, 2014.

CARVALHO, C.E.; ZUANAZZI, J. Análise das características de alunos de graduação em Administração e sua relação com as expectativas do ensino de empreendedorismo. In: EGEPE – Encontro de Estudos Sobre Empreendedorismo E Gestão De Pequenas Empresas. 3. 2003, Brasília. Anais... Brasília: 2003, p. 125-141.

DIAS, G. Dimensões Culturais: A Percepção de Dimensões da Cultura Brasileira a Partir de um Olhar. Tese (Mestrado em Administração) – Universidade Federal do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, 2012.

DOLABELA, F. O ensino do empreendedorismo: panorama brasileiro. Empreendedorismo: ciência, técnica e arte. Brasília: CNI – IEL Nacional, 2000.

DOLABELA, F. Oficina do Empreendedor. Rio de Janeiro: Sextante, 2008.

DOLABELA, F. Minha visão sobre empreendedorismo. Disponível em: . Acesso em: 22 mai. 2017.

DORNELAS, J. C. A. Empreendedorismo corporativo: como ser empreendedor, inovar e se diferenciar na sua empresa. 2. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2008.

DORNELAS J. C. A. Empreendedorismo: transformando ideias em negócios. 6. ed. - Rio de Janeiro: Atlas, 2016.

DREHER, M. T. Empreendedorismo e responsabilidade ambiental: uma abordagem de empreendimentos turísticos. Tese (Doutorado em Engenharia da Produção) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2004.

DRUCKER, P. F. Inovação e espírito empreendedor: práticas e princípios. Edição revisada, São Paulo: Cengage Learning, 2017.

FILLION, L. J. Empreendedorismo: empreendedores e proprietários-gerentes de pequenos negócios. Revista de Administração, São Paulo, v.34, n.2, p.05-28, abril-junho 1999.

FUNDAÇÃO ANTONIO MENEGHETTI. Posicionamento Institucional. Aanis II Cong. Int. Uma Nova Pedagogia para a Sociedade Futura. Recanto Maestro: Fundação Antonio Meneghetti, 2016. Disponível em: . Acesso em: 30 out. 2018.

GEM, Global Entrepreneurship Monitor. GEM 2016. GEM America Latina y el Caribe 2015, v. 16, 2016.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

GREATTI, L.; PREVIDELLI, J.J. Ambiente cultural como elemento fundamental na formação do perfil empreendedor. In: Encontro De Estudos Sobre Empreendedorismo E Gestão De Pequenas Empresas, 3. 2003, Brasília. Anais... 2003, CD.

GREATTI, L. Perfis Empreendedores: Análise comparativa das trajetórias de sucesso e do fracasso empresarial no município de Maringá. 2005. Disponível em: www.facef.br/facefpesquisa/2005/nr1/6_greatti.pdf. Acessado em 10 de maio de 2017.

GUERRA, M. J.; GRAZZIOTIN, Z J. Educação empreendedora nas universidades brasileiras. In: Lopes, R.M.A. Educação empreendedora: conceitos, modelos e práticas. Rio de Janeiro: Elsevier; São Paulo: Sebrae.2010. p. 67-84.

KAWASAKI, G. El arte de empezar 2.0: la guia definitiva para empezar cualquier negocio del mundo 2.0 - 1. ed. - Ciudad Autónoma de Buenos Aires: Paidós, 2016.

LACERDA, D. P. Cultura organizacional: sinergias e alergias entre Hofstede e Trompenaars. Revista de Administração Pública. v.45, n.5, p. 1285-1301, 2011.

LAVIERI, C. Educação Empreendedora In: Lopes, R. M. A. (Org.). Educação empreendedora: conceitos, modelos e práticas. São Paulo: SEBRAE, 2010.

LIMA, E., NASSIF, V. M. J., LOPES, R. M. A., SILVA, D. Educação Superior em Empreendedorismo e Intenções Empreendedoras dos Estudantes – Relatório do Estudo GUESSS Brasil 2013-2014, 2015.

LOPES, R.M.A.; TEIXEIRA, M.A.A. Educação empreendedora no ensino fundamental. In: Lopes, R.M.A. (Org.). Educação empreendedora: conceitos, modelos e práticas. Rio de Janeiro: Elsevier: São Paulo: Sebrae, 2010.

MENEGHETTI, A. A pedagogia ontopsicológica. 3. ed. Recanto Maestro: Ontopsicológica Editora Universitária, 2014.

MENEGHETTI A. Pedagogia Contemporânea: Responsabilidade e Formação do Líder para a sociedade futura/ Fundação Antonio Meneghetti - Recanto Maestro: São João do Polêsine, RS: Fundação Antonio Meneghetti, 2017, p. 23-41.

NARDON, L; STEERS, R. M. The Culture Theory Jungle: divergence and convergence in models of national culture. Cambridge Handbook of Culture, Organizations, and Work, Cambridge: Cambridge University Press, 2009.

NOVAES, M.B.C.; GIL, A. C. A pesquisa-ação participante como estratégia metodológica para o estudo do empreendedorismo social em administração de empresas. RAM, Rev. Adm. Mackenzie (Online), São Paulo, vol. 10, n. 1, fev. 2009. Disponível em: . Acesso em: 26 abr. 2017.

OLIVEIRA, J. M.;PEREIRA, E.. P. C.; DORION, E. Uma Visão Pedagógica para o Ensino do Empreendedorismo dentro da Universidade. In: Congresso Internacional Lassalista de Educação, Canoas, 2003.

OLIVEIRA, J. M. Modelo para a integração dos mecanismos de fomento ao empreendedorismo no âmbito das universidades: o caso da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. (Tese) Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção, Florianópolis, 2006.

REZENDE, R. Empreendedor – Negócios Criativos, Inovadores e Rentáveis. Cultura Empreendedora Deve Começar na Sala de Aula. 2014. Disponível em: http://empreendedor.com.br/noticia/cultura-empreendedora-deve-comecar-nas-salas-de-aula/> Acesso em 12 de fevereiro de 2017.

RITCHIE, B.; BRINDLEY, C. Cultural determinants of competitiveness within SMEs. Journal of Small Business and Enterprise Development, Emerald Group Publishing, v. 12, n. 1, p. 104-119, 2005.

SAINI, J. S. Economic Development and Entrepreneurship. In: SAINI, J. S.; GURJAR, B. R. (eds.). Entrepreneurship and Education Challenges and Strategies. Jaipur: Rawat Publications. 2001.

SCHWARTZ, S. H. An Overview of the Schwartz Theory of Basic Values. The Hebrew University of Jerusalem, 2012.

SEBRAE. Programa Nacional de Educação Empreendedora. Disponível em: Acesso em: 22 mai. 2017.

STEVENSON, H. H.; GUMPERT, D. E. The heart of entrepreneurship. Harvard Business Review, v. 1, n. 63, p. 85-94, mar.-abr. 1985.

UNCTAD Secretariat (2015). “Division on Investment and Enterprise: Results and Impact – Report 2015,” United Nations Conference on Trade and Development (UNCTAD), Genebra. http://unctad.org/en/PublicationsLibrary/ diae2015d1_en.pdf. Acesso em: 21 mai.2017.

ZHAO, F. Exploring the synergy between entrepreneurship and innovation. International Journal of Entrepreneurial Behaviour & Research. Emerald Group Publishing Limited. Austrália, 2005, vol. 11, n. 1, p. 25-41.




DOI: https://doi.org/10.18815/sh.2018v8n13.342

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Saber Humano: Revista Científica da Faculdade Antonio Meneghetti

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Saber Humano, ISSN-E 2446-6298, Restinga Sêca-RS, Brasil.

Licença Creative Commons
Saber Humano de https://saberhumano.emnuvens.com.br/sh/index está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.