Escolha profissional e satisfação pessoal: um estudo com jovens profissionais egressos de uma universidade de São Paulo
Training environment of the International Center for Humanist Art and Culture Recanto Maestro in Brazilian

Helena Maria Camacho, Noemi Boer

Resumo


A presente pesquisa caracteriza-se por um estudo empírico, de abordagem quali-quantitativa, na área da Psicologia. Tem por objetivos elucidar os fatores que motivaram a escolha do curso superior de um grupo de jovens paulistas, bem como identificar suas percepções a respeito da satisfação pessoal depois de formados e ingressos no mercado de trabalho. Os participantes foram 27 egressos do curso de Engenharias da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP). Para a coleta de dados foram utilizados um questionário autoral e o Levantamento de Inclinações Profissionais, elaborado por Schein (1996). A coleta de dados foi realizada por meio eletrônico e os instrumentos foram  disponibilizados em ambiente web restrito no google.docs. As referências de análise incluem a ciência Ontopsicológica que elucida a visão do homem  protagonista  responsável, baseado em uma virtualidade capaz de atuação pessoal no ser, que lhe permite se auto constituir. Constata-se coerência entre as manifestações de satisfação com a escolha da formação acadêmica e profissional após formados e com a  instituição acadêmica frequentada.

Palavras-chave


Percepção. Motivação. Protagonista. Ontopsicologia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18815/sh.2016v6n9.164

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Saber Humano: Revista Científica da Faculdade Antonio Meneghetti

URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/legalcode

Saber Humano, ISSN-E 2446-6298, Restinga Sêca-RS, Brasil.

Licença Creative Commons
Saber Humano de https://saberhumano.emnuvens.com.br/sh/index está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.