A influência das culturas regionais no desenvolvimento de lideranças e no processo de satisfação

Lenilton Oliveira da Silveira, Thiago Kader Rajeh Ibdaiwi, Sheila de Oliveira Goulart, Damiana Machado de Almeida, Vivian Pereira Munró, Jonathan Saidelles Corrêa

Resumo


O presente estudo tem o objetivo de verificar a satisfação e retenção dos gestores administrativos, em uma grande empresa do varejo, analisando duas diferentes regiões do Brasil. Buscaram-se definições teóricas apresentadas na revisão de literatura, com conceitos sobre satisfação e retenção de colaboradores, a importância de se mantê-los satisfeito, a evolução da gestão de pessoas, recrutamento e seleção de novos talentos e a influência da cultura no desenvolvimento da liderança. A metodologia aplicada foi a descritiva, aplicou-se um questionário semi-estruturado contendo 33 questões fechadas, na região Nordeste e região Sul, Com a análise quantitativa foi possível constatar que um colaborador satisfeito eleva o nível de competitividade e melhora o desempenho da empresa. Dessa forma, mostra-se a necessidade de se investir no capital humano para uma acirrada competitividade de mercado. Como resultados, foi possível perceber que alguns fatores possuem diferença entre as regiões como: remuneração, nível de escolaridade e percepção de benefícios da empresa. Conclui-se que, mesmo sendo a mesma empresa, existe uma diferença na percepção dos colaboradores referente à satisfação.


Palavras-chave


Satisfação, Retenção, Gestão de Pessoas.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, F J R Almeida. Ética e Desempenho Social das Organizações: um Modelo Teórico de Análise dos Fatores Culturais e Contextuais (Revista de Administração Contemporânea). On-line version ISSN 1982-7849 Rev. Adm. Contemp. Vol 11 no. 3 Curitiba July/Sept. 2007.

BARROS, A J da Siqueira; LEHFELD, N A de Souza; Fundamentos de metodologia científica: um guia para iniciação científica. 2. ed. São Paulo: Pearson Education, 2000.

BOHLANDER, G W. Administração de Recursos Humanos / George Bohlander, Scott Snell, Arthur Sherman; tradução Maria Lúcia G Leite Rosa. São Paulo: Pioneira Thomson Learning 2005.

CHIAVENATO, Idalberto. Gestão de Pessoas: Princípios da administração: o essencial em teoria geral da administração. Idalberto Chiavenato. 2 ed. Barueri, SP; Manole, 2012.

DAVIS, K; NEWSTROM, J W. Comportamento Humano no Trabalho. Uma abordagem psicológica. São Paulo. Pioneira. 1992 v.1.

DESSLER, G. Administração de Recursos Humanos. 2ed Gary Dessler; tradução Cecília Leão Oderich; revisão técnica Irene Kazumi Míura. São Paulo: Prentice Hall, 2003.

DUNZER, G A; Melo, Eliana Medeiros Pereira, Melo, Joyce de Souza Cunha. Desafios de Atração e Retenção de Talentos – Estudo de Caso da Petrobrás, XXXII Encontro da ANPAD, Rio de Janeiro/RJ – 6 a 10 de setembro de 2008.

FILHO, C A P Machado. Responsabilidade social corporativa e a criação de valor para as organizações: um estudo multicascos CAP Machado Filho, 2002 fundacaofia.com.br

GIL, A C. Gestão de Pessoas: enfoque nos papéis profissionais. São Paulo: Atlas, 2001.

GIL, A C. Gestão de Pessoas: enfoque nos papéis profissionais. 1ed 7 re impr. São Paulo: Atlas, 2007.

GIRARDI, D Girardi, Kelly Cristina Benetti Tonani Tosta, Júlia de Freitas Girardi, André de Freitas Girardi. Retenção de Talentos nas Maiores Indústrias de Santa Catarina – VIII Congresso Nacional de Excelência em Gestão, 2012.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Acesso em: 30 maio 2016.

FREITAS, Eduardo De. "IDH, escolarização no Brasil"; Brasil Escola, 2015.

Acesso em: 30 maio 2016.

MARCONI, M A; LAKATOS, E M. Metodologia do trabalho científico: procedimentos básicos, pesquisa bibliográfica, projeto e relatório, publicações de trabalhos científicos. 7ed. São Paulo: Atlas, 2007.

MELLO, D. A. Análise dos fatores de retenção de empregos em organizações que atuam no Brasil. São Paulo, 2014.

PONTES, B R. Planejamento, recrutamento e seleção de pessoal. 2ed São Paulo: LTr, 1996.

ROBBIS, S P, 1943 – Administração: mudanças e perspectivas; tradução Cid Knipel Moreira). São Paulo: Saraiva, 2000, edição 2008.

SEVERINO, A J. Metodologia do trabalho científico. 23ed. São Paulo: Cortez, 2007.

SIMONI, C A Cocozza. Pesquisa Qualitativa em Sistemas de Informação, 2003. (Universidade Estadual de Campinas – Unicamp Instituto de Computação – IC Pesquisa Qualitativa em Sistemas de Informação Carlos Alberto Cocozza, Simoni Maria Cecília Calani Baranauskas, fevereiro de 2003).

SIQUEIRA, M M M. Medidas do comportamento organizacional. Satisfação no trabalho. São Paulo: Artmed, 2008.

VASCONCELOS, A. F. Qualidade de vida no trabalho: origem, evolução e perspectivas. Cadernos de Pesquisa em Administração, v.8, n.1, p. 23-35, 2001.

VERGARA, S. Projetos e Relatórios de Pesquisa em Administração. São Paulo: Atlas, 2000.




DOI: https://doi.org/10.18815/sh.2017v7n11.235

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Saber Humano: Revista Científica da Faculdade Antonio Meneghetti

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Saber Humano, ISSN-E 2446-6298, Restinga Sêca-RS, Brasil.

Licença Creative Commons
Saber Humano de https://saberhumano.emnuvens.com.br/sh/index está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.